5 dicas para movimentar a loja e girar o estoque depois do Natal

As vendas de Natal acabaram e você não vendeu todo o estoque como esperava?

Não se preocupe. A maioria dos lojistas passa por isso.

Em vez de ficar se lamentando, é hora de pensar em estratégias para movimentar sua loja e girar esse estoque depois do Natal!

Neste post, daremos algumas dicas importantes sobre estratégia de vendas para você preparar sua loja e vender mais após o período de Natal.

Confira!

1. Verifique o que não foi vendido no Natal

O primeiro passo é fazer uma análise profunda do mix de produtos e identificar os itens que não venderão tão bem ou sobraram no estoque.

Com essa informação detalhada em mãos fica mais fácil tomar uma decisão estratégica e com foco nas etapas que vou descrever a seguir.

Então vamos lá!

Liste quais e quantos produtos sobraram no seu estoque.

Liste também o preço de compra e outros custos envolvidos para saber até quanto você poderá baixar os preços em uma promoção pós-Natal.

Lembre-se:

Por mais importante que seja girar o estoque, liberar espaço e fazer caixa, você não pode ficar no prejuízo!

2. Dê descontos para girar o estoque

Mesmo que o Natal já tenha passado, se você baixar seus preços com certeza vai atrair muita gente que já vinha namorando algum item da sua loja mas estava adiando a compra.

Temos uma situação onde o consumidor já deseja o seu produto e precisa apenas de um incentivo para comprar.

Diante de uma promoção bem planejada, ele vai encarar o momento como uma oportunidade única para finalmente ter o que tanto queria.

E se a oferta for realmente tentadora, até mesmo quem não pensava em ter aquele produto pode acabar comprando para “aproveitar a promoção”.

Então seja criativo!

Arrume a vitrine para expor os artigos em oferta, mande um e-mail para a sua lista de clientes, divulgue a promoção nas redes sociais, faça ligações individuaIs, envie SMS ou mensagens via WhatsApp.

Seja qual for a estratégia escolhida, o importante é divulgar a promoção na sua base de clientes para atraí-los de volta à loja depois do período de festas.

3. Faça promoções mais criativas

Se você quiser vender mais e girar o estoque depois do Natal terá que se esforçar um pouco para atrair a atenção.

Como a maioria dos consumidores já gastou todo o dinheiro que tinha reservado para as compras, apenas uma oportunidade realmente imperdível será capaz de atrair sua atenção.

Para garantir que isso aconteça, você precisa ser mais criativo nas promoções.

Use a psicologia para despertar desejo no cliente.

Demonstre formas pouco conhecidas de utilização do produto e os benefícios gerados por ele.

Aponte o produto como uma forma de presentear alguém ou realizar um sonho.

Tudo vai depender do perfil do seu público e do tipo de produto que você comercializa.

Libere a sua mente e pense nas possibilidades!

4. Mude a decoração

Faz semanas que o Natal passou e você ainda continua com a mesma decoração de pinheirinhos, guirlandas e luzes piscantes?

Grande erro!

A partir do dia 26 de dezembro, seu negócio já deveria ter saído completamente do “modo Natal”.

Essa é a data-limite para mudar radicalmente a decoração da sua loja!

Uma boa ideia é lembrar que estamos no Brasil e aproveitar o período que marca o começo do verão e das férias escolares.

Como se trata da estação mais alegre do ano, nada melhor que levantar o astral da sua loja para vender mais durante as férias.

Uma boa estratégia de vendas é incorporar seus produtos a situações e cenários que lembrem o verão, demonstrando como ele pode ser útil também em épocas de calor.

Como já disse no tópico anterior, use e abuse da criatividade!

5. Disponibilize mais formas de pagamento

Muitas vezes, o cliente que visita sua loja no início do ano não usa cartão de crédito (ou já esgotou seu limite no Natal) e precisa de uma alternativa para parcelar a compra.

Nessas horas, vender no crediário próprio com certeza agregará benefícios tanto para ele quanto para a sua loja.

Ainda mais quando você não precisa se preocupar com a análise de crédito para decidir se é ou não arriscado vender.

Um sistema automatizado pode realizar essa tarefa para você, cruzando dados históricos para avaliar o risco de inadimplência do cliente no momento da venda.

Se bem trabalhado, o crediário pode surpreender você como ferramenta para atrair clientes e vender mais!

Agora que você já sabe o que fazer para vender mais e girar o estoque depois do Natal, não deixe essas apenas na teoria.

Utilize a estratégia mais adequada, ou todas conjuntamente, para melhorar os resultados da sua loja!

Um grande abraço e um ano novo de muitas vendas!

Você vai se interessar também

clusterização de lojas

Clusterização de lojas: como otimizar a política de crédito em redes varejistas

Você já ouviu falar em clusterização de lojas? Sabe como essa estratégia pode contribuir para o sucesso da sua operação ...
6 min de leitura | 17/01/2020
consultar o CPF

Como consultar o CPF do cliente pode gerar vendas mais seguras?

Para quem vende no crediário, a etapa mais importante de todo o processo é a hora de analisar o crédito do consumidor para ...
8 min de leitura | 14/01/2020
definir limite de crédito

Você ainda usa a renda do cliente para definir limite de crédito? Então leia isso!

Definir limite de crédito para clientes no crediário próprio pode ser mais complexo do que você imagina.  A prática ...
5 min de leitura | 07/01/2020

Deixe seu comentário sobre o artigo

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

A inadimplência não te deixa dormir?

Análise de crédito, cobranças automáticas e negativação de inadimplentes, tudo no mesmo sistema, tudo rápido e fácil.
Chega de preocupações!

A inadimplência não te deixa dormir?

Análise de crédito, cobranças automáticas e negativação de inadimplentes, tudo no mesmo sistema, tudo rápido e fácil.
Chega de preocupações!