15 minutos para abrir crediário para cliente novo é muito tempo?

Sua loja leva 15 minutos ou mais para abrir crediário para um cliente novo?

O que você acha desse tempo?

Eu particularmente acho que é muito grande… 

Na verdade, é um tempo absurdo! 😲

Nos dias de hoje, simplesmente não há justificativa para tanta demora em abrir uma ficha de crediário.

Isso vale principalmente para quem atua nos segmentos de calçados, confecção e ótica.

Para móveis e eletro, 15 minutos pode até ser considerado um tempo limite (mas não pode ir além disso).

A questão é:

O que fazer para sua loja ganhar mais velocidade na aprovação de crédito?

Basicamente, envolve mudar algumas atitudes.

Para saber mais, continue lendo este artigo até o fim.

Ou então assista o vídeo que acabei de publicar em nosso canal no YouTube 👇.

Abertura de crediário versus fraude

Quando falamos em dar mais agilidade ao seu crediário, em primeiro lugar é preciso entender os motivos que levam à demora na aprovação do crédito.

Muita loja leva mais do que 15 minutos para abrir o crediário de um cliente novo porque quer buscar mais informação sobre esse cliente.

Aí lá vai o crediarista ligar para uma loja parceira para verificar se o cliente já comprou lá, confere os dados cadastrais do cliente, liga para as referências para ver se o telefone existe… 

Enfim, faz uma série de validações que realmente podem ser úteis caso ele esteja preocupado em evitar golpes no crediário.

Mas se você perguntar para o lojista por que ele está fazendo essa validação, verá que na maior parte das vezes ele não está pensando em impedir fraudes.

Ele quer saber se os contatos e os dados cadastrais do cliente estão corretos para poder cobrá-lo em caso de inadimplência.

Nesse caso, a loja está mais preocupada com a concessão do crédito do que especificamente com a fraude.

O que, dependendo do segmento de atuação, é mesmo a atitude correta.

O problema é que essa checagem tão demorada não é necessária

Isso se a sua loja contar com um sistema de análise de crédito para fazer isso. 

Vale lembrar que a fraude continua existindo e é um problema real.

Mas, mesmo nesse caso, a tecnologia de score de crédito pode ajudar a descobrir um golpe sem que o crediarista precise buscar toda a documentação do cliente.

Usando a política de crédito para impedir fraudes

Quando tratamos de uma operação de combate à fraude no varejo tradicional, temos que olhar principalmente para as lojas de eletro e móveis.

Nos segmentos de calçados, confecção e óticas, a fraude não é algo tão nocivo para o negócio.

Sabe por quê?

Porque nessas lojas o ticket médio geralmente fica em torno de R$ 120 a R$ 400.

Enquanto nas de eletro e móveis, esse valor sobe para algo entre R$ 600 e R$ 1 mil. 

É por isso que, para estas últimas, o risco de perda em caso de fraude é bem maior.

Observar o ticket médio é uma ótima forma de identificar possíveis golpes.

Afinal de contas, como o golpista já não tem intenção de pagar, ele acaba comprando muito de uma só vez. 

Em uma loja onde o ticket médio é de R$ 120, por exemplo, esse “cliente” vai tentar fazer uma compra de R$ 1.500 no crediário.

Se você tiver um sistema monitorando a concessão de crédito, um alerta será acionado toda vez que o cliente apresentar um alto valor de endividamento na hora da compra.

Isso quer dizer que você não precisa perder o seu tempo (e nem o do seu cliente) na hora de aprovar uma venda.

Se você administra uma loja de calçados, roupas ou ótica, ter uma boa política de crédito já é o suficiente para controlar as perdas por fraude.


Vale a pena ter um sistema antifraude para agilizar a aprovação?

Na verdade, para evitar dores de cabeça, sua loja precisa ter uma política de cobrança bem definida para combater as perdas com fraude.

Quando você deve cobrar um cliente? Quando você deve negativá-lo?

É preciso estabelecer alguns critérios.

Como, por exemplo, negativar um cliente somente depois de ter conseguido falar com ele uma vez e desde que você tenha o carnê assinado.

Mas se a loja ligar para o cliente e ele disser “olha, não fui eu que comprei, não reconheço essa compra”, você já tem que ficar com o pé atrás.

Mesmo que sua loja tenha um sistema antifraude você não vai correr o risco de negativar esse cliente que falou não reconhecer uma compra. 

Afinal de contas, um erro nesse caso pode lhe custar um processo por danos morais.

Se a venda estava dentro do ticket médio de R$ 120 a R$ 400 reais, é muito mais seguro contabilizar esse valor como perda e seguir com a sua operação de crediário.

Isso, é claro, desde que você tenha um bom modelo de concessão de crédito.

Aí é só bloquear esse cliente e tocar a vida!

Agora, na gestão de uma loja de móveis e eletro, com certeza um sistema antifraude precisa fazer parte do negócio, porque o valor da compra é maior e o volume é menor.

Então você não pode pegar qualquer calote e tratá-lo como perda, mesmo que a venda esteja dentro do ticket médio.

Como nos ramos de moda e ótica o volume de vendas é muito alto, uma eventual perda com valor relativamente baixo não afeta tanto o desempenho do negócio.

Mesmo assim, muitos lojistas nesses segmentos se preocupam demais em evitar golpes e acabam perdendo tempo na aprovação ou perdendo dinheiro investindo em um sistema antifraude.

Afinal, quanto deve demorar a aprovação do crediário?

Ok. Agora que você já entendeu por que não precisa se preocupar tanto em impedir fraudes no momento de aprovar uma venda, vamos voltar à questão do tempo para a abertura do crediário.

Em uma loja de calçados, confecção ou ótica, o tempo ideal para abertura de crediário é algo em torno de cinco minutos.

Isso para fazer toda a checagem necessária para um ticket médio de R$ 120 a R$ 400.

Parece pouco?

E se eu disser que para clientes tradicionais, que já estão no seu cadastro, esse tempo não pode ser maior do que uma venda no cartão de crédito?

Nesse caso, a análise de crédito no seu crediário precisa ser instantânea, apenas alguns segundos e pronto!

Você deve estar se perguntando como fazer isso na sua loja, não é mesmo?

Como já disse, o segredo é contar com uma plataforma ágil e confiável para automatizar os processos de concessão de crédito e de cobrança.

Uma plataforma como o Meu Crediário!

Ficou interessado?

Clique aqui para fazer um teste gratuito do nosso sistema.

Um abraço e até a próxima!

Você vai se interessar também

Qual é a maturidade de crédito da sua rede de lojas?

É sempre melhor “mostrar” em vez de “contar”. Pare de falar e prove o que é capaz de fazer.  Li esta frase no ...
4 min de leitura | 15/04/2021
Vale a pena trabalhar com crediário próprio no ramo de óticas

Vale a pena trabalhar com crediário próprio no ramo de óticas?

Você tem uma ótica e está pensando em começar a vender no crediário próprio? Ou talvez já venda no carnê e está se ...
5 min de leitura | 09/04/2021
expansão-da-rede-Mercadão-dos-Óculos-no-Rio-Grande-do-Sul

Como o crediário ajudou na expansão da rede Mercadão dos Óculos no Rio Grande do Sul

Em 2015, o empresário Vilson Brauwers inaugurou sua primeira franquia da rede Mercadão dos Óculos em Lajeado (RS). Desde o ...
7 min de leitura | 31/03/2021

Deixe seu comentário sobre o artigo

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

A inadimplência não te deixa dormir?

Análise de crédito, cobranças automáticas e negativação de inadimplentes, tudo no mesmo sistema, tudo rápido e fácil.
Chega de preocupações!

A inadimplência não te deixa dormir?

Análise de crédito, cobranças automáticas e negativação de inadimplentes, tudo no mesmo sistema, tudo rápido e fácil.
Chega de preocupações!