Como recuperar o crédito do seu cliente inadimplente com o 13º salário?

Estamos chegando no período das vendas de Natal e, como todo lojista já sabe, as dívidas e a inadimplência devem ser novamente os grandes vilões do comércio no final do ano.

Segundo dados recentes do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), o número de inadimplentes no país já está próximo dos 64 milhões.

É uma quantidade de pessoas equivalente à população da Itália!

Por isso, cada vez mais os comerciantes precisam pensar em como recuperar o crédito desta verdadeira multidão de devedores.

E uma excelente oportunidade para isso é o pagamento do 13º salário.

A partir do dia 30 de novembro, todos os trabalhadores registrados no Brasil já estão com a primeira parcela da gratificação no bolso. E até 20 de dezembro todos recebem o valor integral.

A chegada do 13º deve ser vista pelos lojistas como uma oportunidade única para recuperar clientes inadimplentes e estimular a renegociação de dívidas.

Isso se comprova no resultado da pesquisa CNDL/SPC Brasil divulgada no final de novembro, apontando que 17% dos trabalhadores pretendem utilizar o dinheiro extra no fim do ano para quitar dívidas em atraso.

Veja a seguir algumas dicas para você aproveitar melhor esse momento tão importante do calendário varejista.

1. Aproveite as ações da CDL da sua cidade

Uma boa forma de incentivar a recuperação de crédito no final do ano é por meio da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) da sua cidade, que pode promover campanhas para que os consumidores “limpem o nome” no SPC.

A CDL de Cuiabá, por exemplo, está organizando a campanha “Mutirão Limpa Nome” entre os dias 26 de novembro e 14 de dezembro. Oferecendo condições especiais a juros até zero para quitação dos débitos dos consumidores, que poderão negociar o pagamento das suas dívidas.

Campanhas como essas costumam ser feitas sempre antes do Natal, no período em que os trabalhadores recebem o 13º salário. O objetivo principal das CDLs é recuperar o crédito do consumidor para que ele volte a consumir no comércio.

Confira se a sua CDL está organizando alguma campanha desse tipo e divulgue entre os clientes da sua loja (especialmente para quem está com alguma prestação atrasada).

Se não houver nada acontecendo na sua região, aproveite a deixa e promova você mesmo uma campanha de recuperação de crédito na sua loja!

Ofereça um desconto no capital da dívida

Mesmo que você já tenha uma política de cobrança bem estruturada, vale a pena testar novas estratégias para recuperar o crédito do consumidor no final do ano.

No momento em que a pessoa está com o dinheiro do 13º no bolso, você pode entrar em contato oferecendo um abatimento caso ela vá até a loja nos próximos dias pagar a dívida.

Vou dar um exemplo prático para aplicar no seu crediário:

Que tal identificar todos os pagamentos atrasados há mais de 180 dias e tentar recuperar esses clientes? Lembre-e que eles inclusive já devem ter sido negativados.

Faça uma campanha de SMS dizendo mais ou menos assim:

Limpe seu nome neste Natal! Pague sua dívida na loja com 20% de desconto até o dia 24.

Tenho certeza que isso faria muita gente “se coçar” para pagar o que deve. 😉

E a sua loja teria a oportunidade de resgatar uma boa parte do capital que até então estava na rua, sem perspectivas de recuperação imediata.

A vantagem desse tipo de campanha é que, assim que é feita a quitação, o cliente deixa de ser inadimplente e volta a ter acesso ao crediário (a não ser que haja alguma outra pendência em seu cadastro).

Antecipe a negativação do cliente

Legalmente, você pode negativar o cliente no dia seguinte ao vencimento de uma prestação. Mas para a maioria das lojas um cliente só passa a ser tratado como inadimplente quando o atraso no pagamento ultrapassa os 90 dias.

Uma estratégia bastante utilizada nesta época do ano é registrar o devedor nos órgãos de proteção ao crédito antes desse período “normal”.

Com isso, o inadimplente é notificado e recebe um prazo para procurar a empresa e fazer o acerto antes de ser incluído definitivamente na lista de negativados.

E não há época melhor para se adotar essa estratégia do que no final do ano, quando os clientes acabaram de receber o 13o salário!

Oriente o cliente a usar o décimo-terceiro

Para incentivar a recuperação de crédito na sua loja, também é importante dar orientações aos clientes sobre a melhor forma de usar o 13º salário. É uma excelente forma de estreitar o relacionamento com o cliente, mesmo que ele esteja devendo para você.

Sua loja pode enviar uma campanha por e-mail ou Whatsapp com dicas para que ele possa aproveitar a gratificação para consumir mais e ainda recuperar o crédito no comércio.

Proponha a seguinte divisão:

Que tal separar 50% do valor para comprar os presentes de Natal e reservar de 30% a 40% para a quitação de débitos pendentes? O restante deve ser guardado para as despesas tradicionais de início do ano, como impostos (IPTU, IPVA).

Garanto que seu cliente ficará satisfeito de ver a preocupação da loja com sua saúde financeira!

Para saber mais sobre como lidar com a inadimplência, leia nosso artigo sobre os quatro tipos de devedores que você encontra no crediário!

MC_Whitepaper_Inadimplencia_BannerCTA