Quero abrir crediário na minha loja. E agora?

editado

O comerciante analisou o mercado, estudou o perfil de sua base de clientes, pesou prós e contras. Ao decidir abrir crediário próprio, ele aposta no aumento das vendas e no crescimento do negócio. Mas chega o momento do segundo passo: colocar a estratégia em prática. Para reduzir o risco de problemas e obter os melhores resultados, é preciso seguir algumas orientações simples.

Regras claras

A concessão de crédito deve sempre se basear em critérios rígidos. Deixe claro para o cliente quais são as regras de financiamento na sua loja. Neste ponto, cabe um alerta: não abra exceções. Uma pessoa cujo nome esteja negativado não pode comprar a prazo em hipótese alguma, mesmo que o comerciante a conheça há muitos anos.

Divulgação 

Não basta ter crediário próprio; é preciso que as pessoas saibam que a sua loja oferece essa a opção. O empreendedor deve investir em divulgação, levando em conta o perfil da base de clientes e da localização da loja. Analise opções como panfletos, faixas, folders, anúncios na mídia local (rádio, jornal) ou postagem em redes sociais. Outra estratégia que costuma dar excelente retorno é o envio de SMS para consumidores cadastrados. E não se esqueça de usar o próprio ponto de venda para a divulgação. Espalhe cartazes pela loja e dê destaque ao crediário.

Olho na concorrência

Acompanhe de perto o comportamento dos concorrentes. Adotaram quais planos de financiamento? Utilizam critérios diferentes para concessão de crédito? O movimento cresceu? Esses dados podem ser úteis na hora de o lojista fazer ajustes no seu sistema de crediário ou para detectar mudanças no comportamento da clientela.

Limite de parcelas

Ofereça planos de pagamento com até cinco parcelas. As estatísticas mostram que os índices de inadimplência costumam ser baixos quando o número de prestações é menor. Além disso, o retorno do capital investido ocorre mais rapidamente. Sinta como se comporta a sua base de clientes, analise os resultados das vendas. Só depois pense em ampliar os prazos de seu crediário.

Última parcela, nova venda

O acompanhamento do crediário próprio permite criar possibilidades de novas vendas. Próximo à data de vencimento da última parcela, entre em contato com o cliente e ofereça a renovação do crédito. Essa é uma forma de recompensa ao bom pagador. Crie promoções especiais para quem quita em dia as prestações e aproveite o vínculo já estabelecido com a loja. Aproveite todas as chances de fidelização do consumidor.

Inadimplência

Acompanhe de perto os níveis de inadimplência. A definição de critérios para a abertura de crediário deve levar em conta o número clientes em atraso e quanto isso representa em termos de perdas financeiras.

Proteção

Recorra aos serviços de instituições como Serasa, SPC e SCPC para obter informações sobre o cliente.

Proteção extra

Para reforçar a segurança na abertura do crediário, o lojista deve investir na aquisição de um software específico para análise de crédito. Ele cruza as informações dos serviços de proteção com dados sobre o nível de endividamento da pessoa (valores de crediários em andamento, número de parcelas a vencer, nível de comprometimento do salário etc). A automação também agiliza o atendimento e dá mais segurança ao lojista na hora de financiar a compra.

Quer saber mais? Assista ao vídeo: Como abrir crediário na minha loja!

Se você gostou deste artigo, considere ler também este aqui. Informações bem interessantes para sua loja!

Que outros aspectos você costuma levar em consideração para melhorar os resultados do seu crediário? Comente!

MC_CTA_eBook_NovosNegocios