Apenas a consulta de CPF é suficiente para reduzir o risco de inadimplência?

Para quem vende no crediário, a etapa mais importante de todo o processo de compra é a hora de analisar o crédito do cliente para aprovar (ou não) o financiamento.
É aí que entra a consulta de CPF.

O lojista acessa o banco de dados das entidades responsáveis pelos cadastros de proteção ao crédito e verifica se aquele cliente tem alguma restrição. Ou seja: se ele tem algum débito em aberto no comércio e está negativado no SPC, SCPC ou Serasa.

É claro que você não vai abrir crediário para quem estiver com o “nome sujo”.

Isso é meio que óbvio, não é?

Mas o que dizer daquele cliente que não apresentou restrições na consulta? Você pode confiar 100% na sua capacidade de pagamento?

Estar fora do cadastro de inadimplentes é um bom sinal, sem dúvida, mas só isso não basta para garantir uma venda de baixo risco. Existem outros recursos e tecnologias que podem complementar essa informação e agregar muito mais segurança para o seu crediário.

Portanto, fique atento! Limitar a análise de crédito apenas à consulta de CPF pode não ser o bastante para controlar a inadimplência na sua loja.

Como ir além da consulta de CPF

Quem trabalha com análise de crédito no varejo sabe que o mais difícil não é descobrir se uma pessoa está devendo no comércio. Para isso basta uma consulta rápida aos órgão de proteção ao crédito.

O difícil mesmo é saber se ela vai conseguir pagar pela compra que está fazendo na sua loja naquele momento.

Lembre-se da regra n.º 1 do crediário:

Não adianta vender para quem não consegue pagar!

Além de consultar o CPF, você precisa classificar o perfil de risco dos clientes que estão comprando na sua loja.

Para fazer isso da maneira correta é necessário ter uma visão ampla do histórico de compras e pagamentos de cada um, além de levar em conta dados socioeconômicos e estatísticos sobre o comércio da sua região.

Somente avaliando todas essas informações é possível prever com segurança a capacidade de pagamento de um cliente no momento da compra.

A importância do histórico de compra

Para quem vende no crediário, é fundamental manter um registro das compras e pagamentos de todos os seus clientes.

Você pode usar as informações não só para aprimorar sua política de concessão de crédito, mas também para gerar novas oportunidades de venda.

Analisando estes histórico é possível saber se ele costuma atrasar pagamentos, por exemplo, ou se está repentinamente solicitando uma compra a prazo de valor muito mais alto do que suas compras habituais.

Estas informações ajudam na análise do perfil de risco de cada cliente, o que torna mais fácil tomar uma decisão na hora definir limites de valor para a compra e o número máximo de parcelas.

Incentive o pagamento em dia

Quando uma parcela estiver próxima do vencimento, mostre aos seus clientes que você se lembra deles enviando uma mensagem SMS ou um e-mail lembrando da data.

Não se trata de uma cobrança. E nem de longe deve parecer uma!

Trata-se de um serviço, um alerta amigável para a pessoa não perder o prazo de pagamento. Assim, o cliente sabe que sua loja está acompanhando de perto aquela relação comercial, o que já desestimula os maus pagadores.

Muitas vezes, o fato de não receber lembretes de pagamento ou cobranças de parcelas vencidas acaba incentivando o calote – afinal, “parece que ninguém está vendo”.

Se tiverem o tom correto e forem conduzidas de forma adequada, estas mensagens podem até mesmo gerar novas vendas quando o cliente voltar à loja para pagar a prestação.

Agregue tecnologia à sua análise de crédito

Se você me acompanhou até aqui já percebeu que fazer tudo isso de forma manual é praticamente impossível, principalmente para um lojista de menor porte.

A boa notícia é que hoje, mesmo uma loja pequena tem condições de avaliar o perfil de risco dos seus clientes usando ferramentas acessíveis de análise de crédito.

Isso quer dizer que você também pode ir além da consulta de CPF e buscar mais segurança para suas vendas no carnê.

Para isso, existem soluções profissionais com planos de utilização adaptáveis a diferentes tamanhos de negócio. Elas podem trazer a você o tão sonhado controle sobre a inadimplência e transformar o crediário na sua principal fonte de lucro.

Há algum tempo escrevi um artigo falando exatamente sobre isso. Acredito que ele poderá ajudá-lo a dar o primeiro passo para alavancar os resultados sua loja:

Como se preparar para a implementação de tecnologias no seu modelo de crediário?

Um abraço e boas vendas!

Authored by: Jeison I. Schneider

CEO do Meu Crediário.